[Dicas] Mangás para o Dia das Crianças 

Dia das crianças! Quem não gosta dessa data (além dos pais que gastam bastante [risos])? Uma data que se você não tem mais idade pra ganhar um presente, legal, ao menos pode curtir um feriadozinho super bem-vindo! E porque não aproveitar esse feriado para ler algo leve e que remeta a infância, ou dar de presente algo assim para inserir uma criança em mundos diversos da leitura? Pensando nisso, trago duas indicações de mangás do gênero Kodomo (infantil) para os pequeninos darem seus primeiros passos nesse mundo Oriental da leitura!

Qual criança não gosta de Pokémon? Aqueles monstrinhos de bolso que foram a maior febre no mundo na minha época de criança (anos 1990) e em 2016 houve um “renascimento” mundial do seu vicio através do jogo pra mobile. E não são só os pirralhinhos que ficaram viciados nele não, hein, tem muito marmanjo por aí correndo atrás das criaturinhas virtuais! E pegando carona nessa recente onda, venho indicar o Mangá de Pokémon RGB, lançado entre 2016 e 2017 no Brasil pela Editora Panini.

Incialmente Pokémon foi criado como um jogo de RPG do qual fez muito sucesso no Oriente, levando depois a criançada a ver a famosa série animada responsável por todo o sucesso da franquia no mundo e seu mangá é mais fiel aos jogos do que ao anime. Por ser uma franquia imensa de jogos, o mangá não podia ser diferente. A serie de mangá conta com mais de 50 edições (ainda em publicação), porém seus arcos de histórias são divididos pelos jogos, sendo o primeiro, segundo e terceiro volume baseados nos jogos, Red, Green e Blue respectivamente. Além desse arco existe a Yelow, Silver, Gold, Rubi e por ai vai, mas vou me focar nos três primeiros volumes que são um arco fechado e ficou conhecido no Brasil como Pokémon RGB.

Na história diferente do Anime clássico e fiel ao jogo de Game Boy, temos um garoto de 10 anos chamado Red que após presenciar um grupo de pessoas tentando capturar um Pokémon desconhecido acaba causando uma confusão e soltando os Pokémons do Professor Carvalho, depois de consegui recuperar todos os fujões ele recebe um Bulbasaur e junto do seu Poliwhirl (Pokémon que Red tem desde pequeno) eles saem em uma jornada para registrar todos os Pokémons que encontrar utilizando a Pokédex, uma espécie de agenda eletrônica que cataloga todas as criaturinhas. Ao longo da jornada Red diversas vezes acaba cruzando com Green, neto do Prof. Carvalho, e com as tais pessoas que tentavam capturar o Pokémon desconhecido, o grupo de bandidos conhecido com Equipe Rocket.

Uma história bem simples de aventura, amizade entre humanos e criaturinhas, com uma pitadinha básica de ação. Sim, talvez um pouco de violência nas batalhas dos Pokémons, mas nada muito exagerado. Divertido para as crianças, um pouco nostálgico para quem jogou os jogos, pois muitos momentos dele são retratados no mangá.

Tom-Sawyer-manga

A segunda indicação é uma história que talvez não se encaixe no gênero Kodomo, mas não deixa de ser algo leve, talvez uma história romântica sem um romance sabe? Tom Sawyer, mangá baseado no livro do escritor norte americano Mark Twain, As Aventuras de Tom Sawyer.

“Haru via-se sem ruma na vida até aquele verão, quando voltou ao interior para o funeral de sua mãe e conheceu Taro, o menino mais travesso da cidade. Juntos, os dois viverão aventuras que a farão redescobrir a inocência da infância, numa singela e tocante história.”

Uma história com um tom poético e aquele clima de filme da sessão da tarde como: “Meu Primeiro Amor”, “Conta Comigo”, “os Batutinhas”, algo bem simples e inocente, cheios de aventuras de crianças curiosas e destemidas! Não posso dizer até onde essa adaptação para mangá se manteve fiel ao livro original porque, infelizmente, não tive a oportunidade de ler ele até o momento, mas como obra de mangá posso dizer que é uma história muito divertida e sensível e vale muito a sua leitura!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Escreva um blog: WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: