[Livro] Rangers: Ordem dos Arqueiros – Reis de Clonmel

Ah! Mais um livro lido dessa saga maravilhosa! Sério, eu sabia, quando vi esses livros a muitos anos atrás, que eu gostaria da história, mas não tinha ideia de que iria me apaixonar tanto.

Olá, tudo bom?

Se você chegou aqui no blog pela primeira vez, então fique já sabendo adiantado que Rangers: Ordem dos Arqueiros foram a minha escolha para os 12 livros do ano (aquele negócio de um livro pra cada mês), e como atualmente dessa série temos exatos 12 livros, resolvi colocá-los nessa meta que sempre era um baita flop pra mim. Claro que está dando super certo! Por isso, se você tem interesse em ler essa série, deixo aqui o link para os outros 7 livros que li e comentei.

  1. Rangers: Ordem dos Arqueiros – Ruina em Gorlan
  2. Rangers: Ordem dos Arqueiros – Ponte em Chamas
  3. Rangers: Ordem dos Arqueiros – Terra de Gelo
  4. Rangers: Ordem dos Arqueiros – Folha de Carvalho
  5. Rangers: Ordem dos Arqueiros – Feiticeiro do Norte
  6. Rangers: Ordem dos Arqueiros – Cerco a Macindaw
  7. Rangers: Ordem dos Arqueiros – Resgate de Erak

Mas se você é como eu e não liga para spoiler, sita-se a vontade.

Spoiler

Confesso que quando iniciei a leitura e até mais ou menos a metade do livro eu não estava TÃÃÃÃOO animada com a história. Na verdade estava animada, mas ela estava meio feijão com arroz (não que isso seja ruim). Mas é claro que o Jhon Flanagan sabe muito bem como nos surpreender.

No começo o Will está indo para uma daquelas reuniões dos arqueiros e é bem interessante a gente ver que, se alguns anos atrás o Halt era a lenda, hoje em dia o Will Tratado também é uma lenda e motivo de admiração. Ele já está um tanto cançado de ficar no feudo que ele está, por ser calmo demais, eis que o chefe dos arqueiros tem uma proposta de criar uma divisão de arqueiros para assuntos fora do reino, uma vez que, ele e o Halt já fizeram missões em outros paises. Claro que o Will aceita, o Halt também tinha aceitado e eles convidariam o Horace para ajudar também. Sim, a fórmula do segundo, terceiro e quarto livro está na nossa cara nesse volume também, e isso não foi ruim, posso dizer que foi nostálgico.

Halt está em uma missão na costa de Araluen, pois há rumores que os forasteiros estão lá pregando e causando. Sim! Esse volume é recheado de coisas que vivenciamos no dia a dia: uma seita religiosa que prega que o deus dela é o verdadeiro e único salvador e blá blá blá. Cara, o autor teve uma ideia muito legal a respeito desse livro, mas eu confesso que fiquei meio… não, o problema não foi o livro, mas perceber que o que eu estava lendo em um livro de fantasia é a mais pura realidade aqui nesse mundo.

Mas é claro que o Halt descobre que os Forasteiros estão dominando os reinos perto de Clonmel e é para lá que eles vão, evitar que essa seita domine mais um país, que por sua vez tem um rei fraco e… é irmão mais novo do Halt.

Sim minha gente, aqui ficamos sabendo um pouquinho mais sobre o Halt e esse livro é do Halt. Desde o momento que a Lady Pauline fala no ouvido do Will para ele cuidar do mestre pois ele está ficando velho, a gente vê o quão o Halt, apesar de ser um grande arqueiro, está sim ficando cansado. E isso é o maravilhoso. O autor não fica eternizando seus personagens, as vezes eles poderiam ser gente como a gente.

Não tem como não rir e se emocionar com esses livrinhos, sério, é uma fantasia super gostosinha de ser lida, que mesmo sendo grande, resgata o leitor para detalhes do primeiro e segundo volume, fazendo que tudo fique amarradinho, bonitinho e com aquele calorzinho no coração.

Esse pode não ter sido o volume que mais amei, mas nem por isso eu odiei, deu pra ver nas linhas ali em cima, não? Mesmo e apesar de tudo, eu ainda transbordo meu amor por esses livros.

Setembro já chegou e logo logo falo do nono volume.

Beijos e até 😉

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Escreva um blog: WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: