[Mangá] Fort of Apocalypse – Yu Kuraishi

Oi, tudo bom?

Pois é, hoje eu e o Felipe trocamos de lugar, ele resenhou na sexta o livro Confissões e hoje vou falar de mangá. É minha gente, passei 10 dias lendo Fort of Apocalypse, afinal o livro é de zumbis e estamos no mês do horror… ‘bora conversar sobre!?

Contendo dez volumes, todos já lançados aqui no Brasil pela JBC, Fort of Apocalypse inicia com um ancora de um telejornal noticiando pequenos surtos de pessoas que estão se atacando, chegando a morder e depois a pessoa atacada agindo de forma estranha e atacando outras. Somos apresentados para a Instituição de Correção de Menos Infratores onde está chegando um novo jovem que foi acusado de ter assassinado brutalmente o seu vizinho, o nome dele é Maeda. Embora Maeda garante que é inocente, pois ele viu que havia uma pessoa que cometeu esse ato, ninguém escuta sua versão e o garoto é condenado a perpétua, sendo designado a ficar na sala 4 com outros 3 jovens infratores: Yoshioka, Yamanoi e Iwakura. Enquanto isso, na cidade, o ataque zumbi está a solta e quando o terror chega a instituição e descobrem que os monstros são mortos quando atingidos na cabeça, os quatro conseguem escapar de carro e Maeda vai procurar sua família, mas o que encontram mesmo, é um ser que consegue manipular os zumbis.

Para ser honesta isso é o que acontece nos primeiros volumes, mas como sei que muitos não curtem um spoiler, vou deixar por isso mesmo, mas já aviso: o mangá não vai agradar muitas pessoas, principalmente que tiverem o estomago sensível. Aqui vamos encontrar muita violência, estranhismo e palavrões, não é atoa que a faixa etária indicativa é maiores de 16 anos.

Foi a primeira história que envolve zumbis que li, até então essa temática nunca me chamou muita atenção, sempre achei fantasioso demais (falou a garota que lê sobre Goblins, Fadas, Elfos e Bruxos), mas a ideia de sair comendo o cérebro alheio sem mais nem menos nunca me interessou e para falar a verdade nem sei o porque comecei a comprar esses mangás, já que eu sabia que era sobre zumbis. Só coloquemos um porém sobre esse mangá, não é simplesmente comedores de cérebro, aqui trata-se como uma evolução dos humanos, onde eles atacam uns aos outros e quem tem o tipo M do vírus são contaminados com uma velocidade surpreendente e os que foram contaminados com o F demoram para a aparecer os sintomas.

Houveram só duas coisas que realmente me incomodaram: o como surgiu e o porquê o Zumbi fodástico tem uma mania de perseguição com o Maeda. Relaxa que isso não é spoiler, vocês verão nos primeiros volumes. Isso que me incomodou um pouco, porém não atrapalha a história.

Para quem gosta do bizarro, recomendo a leitura desse livro. Foram 10 dias em que fiquei realmente com a atenção totalmente voltada para a história, tanto que nem conseguia me concentrar na leitura de livro que estava fazendo paralelamente.

No fim eu dei 4/5 estrelas lá no skoob.

Beijos e até 😉

👻

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Escreva um blog: WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: